Comunicados de imprensa

Enzo Anzai conduz a Tocha Olímpica em Presidente Prudente, SP
Jun. 28, 2016

Jovem atleta de badminton conduz a Tocha Olímpica Rio 2016 em Presidente Prudente, SP

Enzo Anzai iniciou o revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016 pelas ruas de sua terra natal, Presidente Prudente, nesta segunda-feira. O jovem atleta de badminton não se continha em emoção ao receber a chama olímpica em frente ao cristo redentor na entrada da cidade. Em êxtase, Enzo agradeceu a oportunidade e o convite da Nissan por fazer parte desse momento único em sua vida.
Claudinei Quirino conduz a Tocha Olímpica em Presidente Prudente, SP / Crédito: Divulgação/Nissan
Jun. 28, 2016

Claudinei Quirino, medalhista olímpico, se emociona ao conduzir a Tocha Olímpica Rio 2016 em Presidente Prudente, SP

"Sabe que um homem desse tamanho não chora, né? Mas olha só como eu estou. Não sei se rio ou se choro. Passa muita coisa na cabeça". Mantendo o bom humor de sempre, com a voz rouca e pra lá de embargada, Claudinei Quirino mal conseguia falar após a condução da Tocha Olímpica Rio-2016, nesta segunda. Logo ele que sabe bem o que é um revezamento, medalhista de prata na modalidade 4x100m em Sidney-2000, não conteve a emoção ao ouvir seu nome gritado por crianças e fãs que o acompanharam pelas ruas de Presidente Prudente, no estado de São Paulo.
Bruno Veron conduz a Tocha Olímpica em Dourados, MS
Jun. 28, 2016

Índio Guarani- Kaiwoá, que relata problemas na comunidade indígena por meio do Rap, conduz a Tocha Olímpica Rio 2016 em Dourados, MS

Ele chegou tímido, mas bastou soltar as primeiras rimas para mostrar que tem muita coisa a dizer. Bruno Veron é índio Guarani-Kaiwoá e escolheu contar para o mundo os problemas de sua comunidade através de uma cultura até então desconhecida entre os indígenas: o rap. Em 2009, criou com mais três amigos o grupo Bro Mc's e foi essa história de atrevimento que o colocou, a convite da Nissan, como protagonista do revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016 em Dourados, Mato Grosso do Sul, neste domingo.
Nissan Frontier termina sua aventura pela América no Alasca
Jun. 28, 2016

Nissan Frontier termina sua aventura pela América no Alasca

Chegou ao fim a aventura da Nissan Frontier pelas Américas: numa viagem de 270 dias, 15 países e mais de 40 mil quilômetros percorridos, saindo do Complexo Industrial da Nissan em Resende, no Estado do Rio de Janeiro, e finalizando no estado americano do Alasca, um casal de jovens ex-executivos decidiu largar suas carreiras e conhecer o mundo a bordo da picape. Durante o roteiro, a Nissan Frontier mostrou a que veio: não trouxe surpresas desagradáveis para o casal, mostrando toda a confiabilidade da picape forte de verdade.
Nissan anuncia novo lote do crossover global Nissan Kicks para pré-venda no Brasil
Jun. 27, 2016

Os "olhos de pássaro" do Nissan Kicks

O crossover urbano Nissan Kicks será lançado em agosto no mercado brasileiro com muitos diferenciais em tecnologia e inovação. Um deles é a câmera 360º, sistema que a Nissan adota em diversos modelos pelo mundo com o nome de Around View Monitor (AVM). Com ele, o condutor vai poder enxergar tudo – absolutamente tudo – ao redor do veículo, algo inédito nesse segmento.
Emília Patrícia Medici conduz a Tocha Olímpica em Rio Brilhante, MS / Crédito: Divulgação/Nissan
Jun. 26, 2016

Engenheira Florestal, especialista em antas, conduz a Tocha Olímpica Rio 2016 em Rio Brilhante, MS

A pequena cidade de Rio Brilhante, no Mato Grosso do Sul, foi para a rua neste domingo ver a Tocha Olímpica Rio 2016 passar. Emília Patrícia Medici, condutora convidada da Nissan, fez a alegria da criançada ao levar para seu revezamento um dos integrantes do Grupo de Especialistas em Antas (Tapir Specialist Group - TSG) da Comissão de Sobrevivência de Espécies (Species Survival Commission - SSC) da União Mundial para a Conservação da Natureza (The International Union for the Conservation of Nature - IUCN) vestido de anta que brincou com a criançada e posou para muitas fotos.
Wenzel Böhm conduz a Tocha Olímpica em Campo Grande / Crédito: Divulgação/Nissan
Jun. 26, 2016

Veterano de Kenjutsu, arte da espada inspirada nas técnicas de luta dos samurais, conduz a Tocha Olímpica Rio 2016 em Campo Grande

Duas tradições milenares unidas pelas mãos de um condutor. Nascido na Áustria e criado no Brasil, Wenzel Böhm é senpai (veterano) de Kenjutsu, arte da espada inspirada nas técnicas de luta dos samurais que protegeram o Japão por anos. Foi ele, convidado pela Nissan, o responsável por levar a chama olímpica pelas ruas de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, neste sábado.
Michele Ferreira conduz a Tocha Olímpica em Campo Grande / Crédito: Divulgação/Nissan
Jun. 26, 2016

Judoca Michele Ferreira, atleta do time Nissan, que conquistou dois bronzes paralímpicos e dois ouros em Jogos Parapan, conduz a Tocha Olímpica Rio 2016 em Campo Grande

Desbravar novos mundos. Conhecer pessoas. Conquistar os sonhos mais impossíveis. São essas as experiências que o judô trouxe para a atleta paralímpica do Time Nissan, Michele Ferreira. A sul-mato-grossense conduziu a Tocha Olímpica Rio 2016 em Campo Grande, em frente ao Instituto que mudou a sua vida, o ISMAC (Instituto Sul Mato Grossense para Cegos Florivaldo Vargas). E com uma plateia digna de uma judoca que tem dois bronzes paralímpicos (2008 em Pequim e 2012 Londres) e dois ouros nos Jogos Parapan- Americanos (2011 em Guadalajara e 2015 em Toronto).